Mais a visão se aprofunda,
mais estrelas se percebem,
na escuridão...

O quê

Percepções dos olhos, da mente, da alma e do coração.
Reflexões sobre uma breve jornada.

Textos, em sua maioria sem rima ou métrica; encadeamentos de idéias e sentimentos e pausas.

Uns poucos foram publicados em websites brasileiros e do exterior, através de pessoas amigas com quem os compartilhei.

Alguns nasceram prontos, em outro idioma.

Sempre que o autor houver chegado a versões satisfatórias em mais de um idioma, os links para as mesmas estarão ao final dos posts.

Abaixo de cada texto, constam as datas em que foram escritos, bem como a indicação "original", ou "versão".

-/-

Humildemente espero, desejo, que representem algo de positivo para aqueles que os lerem.

Alfredo Cyrino